Entrega das vacinas em maio será 27% maior do que o mês passado

Entrega das vacinas em maio será 27% maior do que o mês passado

Segundo o cronograma de entregas, disponibilizados pelo Ministério da Saúde, que foi divulgado na última semana, são esperados para este mês de maio, mais de 32,9 milhões de doses das vacinas que agem contra a Covid-19. Esses números são 27% a mais do que os do mês de abril.

O cronograma, conta apenas com as vacinas aprovadas pela Anvisa, que são elas: vacina consórcio Oxford/AstraZeneca, que no Brasil são entregues pela Fiocruz e pelo programa Covax Facility; a CoronaVac, da SinoVac Life Sciencie em parceria com o Instituto Butantan e a Pfizer.

A Fiocruz, a maior fornecedora do Brasil, tendo já 20,5 milhões de doses, pronunciou-se que já tem todo o material necessário para cumprir a meta estabelecida para o mês de maio. As doses da AstraZeneca, que são distribuídas pela Covax Facility, já se encontram no país. O Instituto do Butantan liberou nesta quinta-feira (06), 1 milhão e tem em seu planejamento entregar mais 4,1 milhões de doses até o dia 14 de maio.

Plataforma da prefeitura de petrolina, recebe mais de 50 mil cadastros para receber a vacina contra covid-19
Foto: Prefeitura de Petrolina

Problemas no percurso das Vacinas

Infelizmente, nesses últimos meses, o cronograma mensal das doses, vem sofrendo diversas reduções de verbas. Têm-se em mente que foi anunciado em abril que 55 milhões de doses seriam entregue ao país, porém o quantidade que chegou para cada estado foi bem menor, ficando em torno dos 25,9 milhões de doses. Esses cortes de verbas, tem diversos motivos, desde o desabastecimento da IFA até problemas com a Anvisa.

O aumento da vacinação é fundamental para o Brasil sair da pandemia e recuperar a economia. Hoje, o número de vacinas ainda é muito abaixo do que o ideal. Caso não aumente os números nos próximos meses, o país ainda estará bastante afetado por conta da pandemia no começo do próximo ano. Isso é terrível para a economia e geração de emprego no Brasil ao longo do ano que vem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O Radar do Sertão surgiu em 2020 como uma nova e inovadora fonte de informações confiáveis do estado de Pernambuco. Todo dia você terá notícias importante sobre a sua cidade. O Radar do Sertão veio para ficar e se definir o novo patamar de informações.