Taxa de ocupação dos leitos de UTI da Covid-19, está em 82,5% em Petrolina

Taxa de ocupação dos leitos de uti da covid-19, está em 82,5% em petrolina

Segundo o boletim epidemiológico da Covid-19, divulgado pela Prefeitura de Petrolina, a taxa de ocupação dos leitos de UTI encontram-se neste domingo (09), em 82,%. Mesmo sendo uma taxa ainda alta, teve diminuição em relação a semana passada que se encontrava em 90%. Dos 80 leitos feitos, 66 estão ocupados, sendo 43 pacientes de Petrolina e 23 de outras cidades da região.

 

Taxa de ocupação: O boletim também registra, seis novos casos positivos, sendo eles, três do sexo masculino, com idades entre 38 a 55 anos e mais três do sexo feminino, com tendo suas idade de 36 a 71 anos.

Petrolina avança para a fase de vacinação dos trabalhadores de saúde liberais e autônomo
Foto: Prefeitura de Petrolina

Os mesmos resultados foram obtidos através de exames laboratoriais. Com isso, Petrolina passa a ter 25.135 pessoas que já foram infectadas pelo novo corona vírus. O total de pacientes recuperados permanece no mesmo da semana passada, que foi de 21.372, o que representa 85% do total.

No boletim, ainda há o registro de um óbito, que trata-se de uma pessoa do sexo feminino, de 75 anos, sem histórico de comorbidades. A mesma encontrava-se internada em um hospital da rede privada de Petrolina, mas veio a falecer no dia 5 de maio. A partir disso, o município passa a registrar 381 óbitos em decorrência da Covid-19.

Informações adicionais da taxa de ocupação em Petrolina

A Secretaria de Saúde, além de divulgar o boletim, divulga também informações complementares sobre a pandemia em Petrolina, sendo eles:

Em petrolina são confirmados 163 novos casos da coviç´pd-19
Foto: Prefeitura de Petrolina

– Há 1.649 pessoas sendo monitoradas, em que existe a possibilidade de estarem infectadas.

– Até o momento, 94.273 casos já foram descartados, pois essas pessoas testadas tiveram resultados negativos.

– O município, ainda tem 3.382 casos ativos do novo corona vírus.

O país precisa vacinar muito mais pessoas para sair da crise da Covid. Porém, o país está tendo muitas dificuldades em aquisição das novas vacinas por conta da atitude integracionista do governo federal. O presidente Bolsonaro continua criticando o governo chinês, algo que é visto como uma coisa muito irresponsável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O Radar do Sertão surgiu em 2020 como uma nova e inovadora fonte de informações confiáveis do estado de Pernambuco. Todo dia você terá notícias importante sobre a sua cidade. O Radar do Sertão veio para ficar e se definir o novo patamar de informações.